DEST-decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-47

Adepta do reaproveitamento e do consumo consciente, a moradora da casinha publicada essa semana, Dárida Rodrigues, usou sua experiência com cenografia para criar móveis e detalhes improvisados. Suas invenções são tão práticas e bonitas que não podíamos deixar de mostrar algumas delas com mais calma, então o Capítulo 3 é para isso. Assim você pode conferir as melhores ideias e escolher qual gosta mais para aplicar em sua própria casa.

♥ Gavetas viram nichos

O imóvel é alugado, então não compensava investir em armários novos ou feitos sob medida, porém faltava espaço de armazenamento na cozinha. Para driblar a situação de um jeito econômico, Dárida aproveitou duas gavetas antigas como nichos abertos na parede. Além de instalar puxadores novos de cerâmica, ela fixou pequenos ganchos na lateral inferior de cada gaveta para conseguir pendurar xícaras e canecas com alça. A mesma solução foi replicada no quintal, mas dessa vez quem ganha destaque são as plantinhas.

♥ Puxadores viram ganchos

Da mesma família de puxadores, todos artesanais e trazidos da Índia por poucos dólares, os modelos usados na sala de televisão foram fixados direto na parede e se transformaram em ganchos estratégicos para apoiar bolsas, chapéus e casacos. O resultado é delicado e tem tudo a ver com o clima despojado da casa.

decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-40

decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-39

decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-41

decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-43

♥ Fotografias viram arte

Além da mesa da cozinha, os moradores também podem fazer refeições no móvel com tampo de vidro que fica na sala de televisão. Para deixar esse canto mais charmoso, a diretora de arte decidiu imprimir fotos quadradinhas (que lembram as do Instagram) e as colou em uma composição na parede como se fosse uma obra de arte. Dessa forma deu para economizar em molduras convencionais e o cômodo ganhou uma bossa a mais.

♥ Estrado vira jardim vertical

Poucas pessoas veriam um simples estrado de cama como um móvel em potencial, porém Dárida conseguiu enxergar ali um painel ripado para pendurar vasos com plantas. Foi assim que ela montou um jardim vertical sem gastar quase nada: os vasinhos de barro ficam presos às ripas e conforme as espécies forem crescendo suas folhagens irão esconder boa parte da estrutura.

♥ Bambu vira varão de cortina

Ao invés de comprar um varão de cortina convencional e possivelmente sem graça, a moradora mais uma vez mostrou seu olhar criativo ao aplicar um simples bambu nessa função. Encaixada em um suporte metálico sobre a janela, a vara acomoda o tecido da cortina exatamente da mesma forma que um varão faria, porém com mais personalidade. Vale ou não vale copiar?

decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-44

decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-45

DEST-decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-48

DEST-decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-47

decoracao-casa-alugada-historiasdecasa-46

Fotos por Rafaela Paoli

Junte-se a conversa! 5 Comentários

  1. Olá! Blog muito lindo, parabéns! Quero fazer um jardim vertical para minha varanda e adorei a idéia de usar o estrado. Genial! Mas como posso prender os vazinhos? Obrigada!

    Responder
    • Oi Raquel, tudo bom??? Obrigada! Ficamos felizes com o seu comentário… <3
      Acabamos não vendo como a moradora fixou os vasos, mas como eles são aqueles modelos de parede acredito que ela tenha fixado pregos no estrado e encaixado os vasinhos nos pregos (da mesma forma que eles seriam instalados se fossem direto na parede!).
      Espero ter ajudado! Beijos…

      Responder
  2. Amei as idéias, me inspirou p fazer o jardim vertical dos meus sonhos. Obrigada

    Responder
  3. adorei o post!!! moro em um apartamento garden e gostaria de ver mais opções para esse tipo de espaço, com jardins verticais, espreguiçadeiras, namoradeiras, etc… 🙂
    sucesso pra vc!

    Responder

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Categoria

Histórias

Tags