Receita de felicidade | Capítulo 2

Um apartamento antigo reformado pelo casal de moradores

Juntos há dois anos, Lena Mattar e Fabrizio Lenci, do escritório de arquitetura Vapor 324, chegaram a dividir outro endereço antes de encontrar seu apartamento atual. Um pouco mais espaçoso que o antigo, o imóvel ganhou um novo layout após a reforma idealizada pelo morador, porém muitos de seus elementos originais foram reaproveitados, assim como os móveis e objetos que o casal já possuía. Se você ainda não leu a primeira parte dessa matéria, veja também o Capítulo 1.

Em cada detalhe o apê revela o estilo de vida dos moradores, das bicicletas perto da porta de entrada à própria escolha do prédio, que não tem porteiro, elevador ou garagem: “Gostamos de ter uma vida simples, no sentido de fazermos as coisas a pé sempre que possível, de cozinharmos todos os dias o nosso jantar e o nosso café da manhã, de termos uma casa do tamanho ideal e sem exageros, cuja decoração é o reflexo do que gostamos e das histórias que vivemos… No fim esse é o nosso universo particular e isso ajuda a deixar o caos da porta pra fora.”, explica Lena.

29-decoracao-home-office-escritorio-prateleiras-pinus-plantas

30-decoracao-home-office-escritorio-prateleiras-pinus

31-decoracao-home-office-escritorio-prateleiras-pinus

32-decoracao-home-office-escritorio-prateleiras-pinus

33-decoracao-home-office-desenhos-de-fabrizio-lenci-vapor324

34-decoracao-home-office-desenhos-de-fabrizio-lenci-vapor324

35-decoracao-home-office-desenhos-de-fabrizio-lenci-vapor324

36-decoracao-guarda-roupa-marcenaria-plantas-topo

37-decoracao-home-office-parede-tijolinho-branco-poltrona-eames

38-decoracao-mapa-parede-tecido-vapor324

39-decoracao-suporte-planta-air-plant-ar

Fabrizio, que está habituado a realizar projetos para os mais variados clientes, aproveitou sua própria reforma para experimentar novas ideias sem medo. “A parte mais legal é testar soluções e ousar. Muitas vezes imagino como seria se tivesse feito certas coisas diferentes, então a casa acaba virando uma espécie de laboratório.”. Ao lado dos sócios Fabio Riff, Rodrigo Oliveira e Thomas Frenk, o arquiteto e desenhista compõe o time do Vapor 324, que trabalha não só com arquitetura, mas também design gráfico e ilustração. “Nós quatro nos conhecemos na faculdade e, desde então, a gente compartilha muitos interesses em comum. Acreditamos que a formação de um arquiteto é muito ampla e a atuação pode ir além da obra construída, pois a arquitetura é muito mais uma forma de pensar, conceituar e resolver problemas.”, completa.

Para poder trabalhar em casa e desenhar à vontade nos momentos de descanso, o morador transformou o segundo dormitório do apartamento em um escritório acolhedor. A parede de tijolinhos brancos da sala se estende até esse ambiente, servindo de pano de fundo para um mapa de tecido feito por Fabrizio com a ajuda de sua irmã. Tábuas de pinus reaproveitadas do antigo apê foram instaladas com mãos-francesas, criando uma estação de trabalho com bancada e prateleiras. A janela, voltada para um quintal no andar térreo do prédio, deixa a luz entrar junto com o canto dos pássaros durante a tarde e a vista para as árvores.

No quarto do casal a paisagem é a mesma e esse tanto de verde já bastava para que Lena e Fabrizio amassem o espaço. Pensando em criar um ambiente simples e confortável, eles recorreram a poucos acessórios e uma cama com cabeceira de madeira clara. O banheiro, que fica do lado de fora do dormitório e também serve para as visitas, ganhou piso e paredes de ladrilhos hidráulicos hexagonais replicando o tom de verde usado na cozinha, porém com uma ou outra peça em cinza. Seguindo o mesmo desenho dos armários da sala, os gabinetes sob a pia trazem mais uma vez o detalhe de fórmica dourada nos puxadores.

receita-de-felicidade-quarto-historias-de-casa

40-decoracao-quarto-neutro-branco-cabeceira-madeira

41-decoracao-quarto-neutro-branco-cabeceira-madeira-criado-mudo

42-decoracao-quarto-neutro-branco-cabeceira-madeira-criado-mudo

43-decoracao-banheiro-piso-ladrilho-hidraulico-hexagonal-verde

44-decoracao-banheiro-box-ladrilho-hidraulico-hexagonal-verde

45-decoracao-banheiro-bancada-marmore-madeira

Antes escuro e mal aproveitado, o apartamento de Lena e Fabrizio hoje traduz a alma do casal, juntando praticidade, conforto e muitas memórias queridas. As janelas da cozinha aumentaram de tamanho, as paredes desnecessárias saíram de cena, os revestimentos trouxeram aconchego e os móveis completaram o conjunto. Por esses e por outros motivos, é fácil perceber que o amor está presente em cada pedacinho do apê: nas receitas caseiras, na rotina despreocupada e na forma como eles encaram essa grande conquista. “Às vezes deito no sofá e penso ‘Uau, essa é a minha casa!’”, brinca Lena feliz da vida.

fim-final

Fotos por Isadora Fabian, do Registro de Dia a Dia

Deixe seu comentário 9 Comentários

  1. Achei esse mapa de tecido incrivel! Ia ser lindo se ele desse o passo a passo.

    Responder
    • Oi Flavia, tudo bom?
      Nós também adoramos o mapa, é super delicado. Infelizmente não vai rolar um passo a passo, mas talvez você consiga fazer algo similar se tiver um jeitinho com as agulhas. (Nós não temos muito, hehe). Obrigada!
      Beijos

      Responder
  2. Que coisa boa é abrir esse site, que me encanta com seus títulos e histórias de casas lindas e inspiradoras contadas com tanto carinho.
    Parabéns, equipe nota dez!!!

    Responder
    • Oi Mary, tudo bom?
      Muito obrigada pelo carinho! 🙂 Para nós é uma delícia ter a chance de visitar casas lindas e cheias de amor como a da Lena e do Fabrizio… Bom saber que vocês gostam tanto quanto a gente. Hehe…
      Beijos!

      Responder
  3. Olá! Tô pensando em fazer uma bancada parecida com essa em casa para o meu home office. Porém tenho receio de instalar com mão francesa. Nesse caso do apartamento, a mão francesa dá conta do peso? Ou o gaveteiro também dá sustentação à bancada? Beijos!

    Responder
    • Oi Marilia, tudo bom?
      Essa ideia de usar mão-francesa é muito prática, né? No apê do casal eles apoiaram a bancada somente nas mãos-francesas mesmo, porque aquele móvel preto é uma adega de vinhos e não pode ter muito peso em cima. De qualquer forma, recomendamos que você compre uma mão-francesa bem resistente e daqueles modelos maiores. Se possível, instale três ao invés de duas, deixando uma centralizada para garantir que a mesa não empene com o tempo. 🙂
      Boa sorte. Beijos

      Responder
  4. Adorando passar por aqui e ver os espaços idealizados por seus moradores. Como estou iniciando meu apê aos poucos e já curtindo cada etapa, é sempre bom ver os resultados de outras pessoas. Parabéns por esse espaço e por disponibilizar para todos!
    Abraço!

    Responder
    • Oi Roseli, tudo bom?
      Que legal que você está nessa fase de montagem / reforma. É trabalhoso, mas muito gostoso ao mesmo tempo né? Obrigada por acompanhar o blog, ficamos felizes que esteja curtindo e encontrando inspiração nas histórias que contamos. 🙂
      Beijão

      Responder

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Categoria

Histórias

Tags