decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-000

A artista visual Naia Ceschin, de 27 anos, se mudou para um apartamento na Vila Madalena para poder curtir as vantagens de morar sozinha. Bem iluminados e com toques criativos, os ambientes refletem sua personalidade. Leia também o primeiro capítulo da história para não perder nenhum detalhe.

… Quem conhece o trabalho da Naia sabe que as estampas são uma parte importante de seu portfólio, então era natural que elas aparecessem também nos móveis e nas peças menores: “Misturo muitas cores e formas em minhas obras e acabei levando isso para a minha casa. Gosto de brincar com tons fortes, objetos e estilos”. Aliás, a própria rotina no apê também influencia sua carreira, pois sozinha ela tem mais tempo para pensar e cultivar ideias. A maioria dos materiais de pintura fica no ateliê – a poucos quarteirões dali – mas a moradora sempre tem um caderno de desenho a postos para anotar inspirações que chegam de repente.

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-001

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-002

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-003

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-004

Além de trabalhar como freelancer e de fechar parcerias com algumas marcas, Naia é uma das idealizadoras do Projeto Inlócu, nascido a partir da vontade de ajudar ao próximo através da criação artística. Ao lado do designer de móveis Luiz Otávio Carvalho e do fotógrafo Roberto Vietri, ela visita ONGs pelo Brasil promovendo atividades e colhendo referências de cada local. Quando voltam a São Paulo os três produzem obras baseadas nas experiências vividas e organizam uma exposição para que o valor arrecadado seja usado em benefício da ONG em questão. Como cada um dos profissionais tem seu ponto de vista, o resultado final é bem amplo e traz interpretações diferentes sobre a mesma viagem.

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-005

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-006

Da última visita, realizada no Instituto Arte Itaporanga, que fica em um vilarejo no sul da Bahia, a artista trouxe lembranças de momentos especiais e uma sensação de dever cumprido. O olhar puro das crianças a inspirou a desenvolver uma estampa única e cheia de significado: uma das atividades propostas pelo trio pedia que os meninos e meninas se sentassem em duplas e desenhassem os olhos do coleguinha à frente. Esses pequenos esboços, de estilos e traços distintos, foram digitalizados por Naia e transformados em um tecido com fundo claro aplicado em camisetas e capas de almofada. Aliás, várias dessas almofadas hoje ficam sobre o futon rosa que forma um canto de relaxamento.

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-008

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-009

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-010

decoracao-apartamento-cores-historiasdecasa-011

Segundo a moradora, a correria de São Paulo pede mesmo momentos de respiro e tranquilidade – pelo menos dentro de casa. Sua intenção a longo prazo é morar perto da praia, mas enquanto isso não acontece ela tenta levar um estilo de vida mais calmo e aproveitar o que a cidade oferece de positivo, como o Parque Ibirapuera, o bairro da Liberdade ou as flores do Ceasa. Na verdade Naia é apaixonada pela Bahia e sempre que pode viaja para lá acompanhada do cachorro Dendê, seu companheiro fiel no asfalto ou na areia.

Mais do que um espaço para guardar as coisas ou um lugar de descanso, o apartamento representa a verdadeira liberdade, aquela que todo mundo quer, porém poucos conquistam realmente.

fim-final

Fotos por Rafaela Paoli

Junte-se a conversa! 17 Comentários

  1. Que delícia de casa! Podem informar de onde é o tapete? Obrigada!

    Responder
  2. Amei!!!! As estampas então…!!!!

    Responder
  3. Pode me dizer onde comprou as latas da Pantone?! Ameiii.

    Responder
  4. Gostaria de saber de onde veio essa chaise da sacada divinamente linda….

    Responder
  5. Que beleza de cantinho, realmente aconchegante e tranquilo, sem falar na beleza e harmonia das cores e objetos, parabéns lindo!
    http://www.portraitart.com.br/

    Responder
  6. Olá ! Que lindo apê, a cara da artista… As fotos encima do sofá cinza ela comprou ou são de acervo pessoal ? Obrigada !

    Responder
  7. Olá de onde é essa escultura/cadeira de madeira… Quero uma!!!

    Responder
  8. Oi Thuane, tudo bom?
    Essa peça é da loja Futon Company.
    Segue o site: http://www.futon-company.com.br/
    Obrigada, Beijos

    Responder
  9. Olá estava com muita dúvida sobre o piso que usaria no meu apê. E visitando o site pude me inspirar bastante.
    Gostaria de saber qual o piso que foi usado nesta decoração.
    Obrigada e Parabéns!!!

    Responder
    • Oi Fernanda, tudo bem?
      Bom saber que está se inspirando no site <3
      Não temos certeza absoluta, mas acreditamos que esse piso seja uma espécie de "tacão", que são tacos um pouco mais compridinhos.
      Achamos lindo também.
      Beijos

      Responder

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Categoria

Histórias

Tags