Feito de afeto | Capítulo 2

Um casal que transformou o apartamento com boas ideias

Julia Rodrigues e Christian Von Ameln moram juntos há quase cinco anos em um simpático apartamento antiguinho em Pinheiros. Criativos e nem um pouco propensos à ostentação, eles conseguiram extrair o melhor da reforma que integrou os ambientes e de móveis usados vindos de vários lugares diferentes. A mistura descontraída de estilos não só permite que o casal tenha a liberdade de decorar sua casa como bem entende, mas também garante que os espaços estejam carregados de personalidade. Se você não pegou o comecinho dessa história, confira o Capítulo 1 e inspire-se!

A cozinha, com poucas paredes e consequentemente farta iluminação natural, é um dos grandes trunfos da obra. Com a ajuda da arquiteta Luciana Zion os moradores conseguiram abrir o cômodo sem prejudicar a estrutura do prédio – a paredinha perto da porta de entrada, que não pôde ser removida, ganhou pelo menos um recorte estratégico para a passagem de luz.

A princípio Julia e Chris queriam usar ladrilhos hidráulicos bem coloridos para revestir a bancada de refeições, porém essas opções estavam muito acima do orçamento dos dois, então a saída foi escolher um modelo preto e branco em promoção. Feliz com o resultado, o casal usou os mesmos tons neutros para definir outros detalhes do ambiente, como a marcenaria e o piso de porcelanato cinza. Pintada de amarelo vibrante, a geladeira velhinha virou protagonista ao lado do mural com tinta de lousa, uma sugestão de Luciana que foi aprovada imediatamente pelos moradores. Hoje em dia quase todo mundo que frequenta o apê quer deixar sua marca na parede – tanto que as mensagens rabiscadas variam de desenhos feitos pela ilustradora Miwa a equações estranhas escritas por um amigo físico.

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-22

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-23

decoracao_historiasdecasa_apartamento-geladeira-amarela-21

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-24

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-25

Por falar nas visitas, elas também têm seu canto preferido na casa: “Quando terminamos de arrumar o apartamento, eu visualizava meus amigos espalhados pelos tapetes e almofadas ouvindo música e conversando, mas estava redondamente enganada. Não importa quantas pessoas são, todos acabam empoleirados em volta da mesa, o que é uma delícia.”, conta Julia. Tal qual coração de mãe, a sala de jantar sempre acomoda mais um graças à disposição dos móveis e aos bancos que formam um L. Além deles, a mesa quadrada, que originalmente era usada em um escritório, tem como complemento duas cadeiras de madeira dobráveis, dessas encontradas nos bares da cidade.

Também sempre pronto para receber quem chega de braços abertos, o quarto que funciona como escritório ganhou inclusive o apelido de “Albergue dos Rodrigues Von Ameln”, já que não é raro encontrar ali amigos cariocas de Julia que precisam de um lugar para se hospedar quando vêm para São Paulo. Ao mesmo tempo, esse é o único cômodo do apê com televisão, então serve para o casal assistir a filmes ou simplesmente se jogar e pensar na vida. A parede branquinha do espaço aos poucos se enche de quadros – a moradora na verdade quer mais é preencher tudo com telas bacanas.

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-26

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-27

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-28

Além da paixão pela fotografia, que começou ainda nos tempos de escola e ganhou força após a faculdade de desenho industrial, Julia se interessa muito por trabalhos manuais, então não resiste a um tutorial criativo na internet. Suas mais recentes aventuras no mundo da marcenaria renderam dois mancebos para o quarto do casal – ambos pintados por ela de azul claro – e uma estante baixa improvisada. Sem muita informação, esse é o ambiente mais clean e tranquilo do apartamento, porém ainda lhe faltam alguns detalhes: Julia está contando os dias para receber um retrato dos gatinhos encomendado à ilustradora Débora Islãs e o painel que Chris prometeu pintar para a cabeceira da cama.

No projeto original do apê só havia um banheiro, muito grande e totalmente desproporcional, por isso o casal não teve dúvidas em dividir o cômodo único para criar outros dois. Com bastante luz e sem aperto, o banheiro da suíte foi decorado nos mesmos tons da cozinha e ganhou plantinhas na janela. Outra mudança importante aconteceu nos armários dos dormitórios: os moradores inverteram a abertura das portas do corredor e do segundo quarto para dentro para conseguirem montar um closet em U.

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-29

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-31

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-32

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-33

decoracao_historiasdecasa_apartamentocool-34

Quem vê de fora sente que a casa de Julia e Chris está completa, mas eles acham que os espaços podem ficar ainda mais legais com uma coisa ou outra, como uma rede de balanço na varanda ou os vasos de plantas que em breve devem chegar. Em constante construção, o apartamento é o pequeno universo dessa família nada convencional: uma fotógrafa, um artista plástico, a gata Stopa que vive escondida no closet e o gato Loki que dorme até no escorredor de pratos. Aconchego define!

fim-final

Fotos por Isadora Fabian

Deixe seu comentário 3 Comentários

  1. Amei a geladeira!!! Tenho uma igual e quero pintar também. Que tinta devo usar? Obrigada!

    Responder
    • Oi Juliana, tudo bom?
      Já vimos gente que usou tinta spray para metal, porém para pintar a geladeira toda você acaba usando muitas latinhas e não sai tão barato. Outra opção é usar esmalte sintético fosco e aplicar duas camadas de verniz depois para garantir.
      Tinta automotiva também funciona, mas aí o ideal é terceirizar o serviço…
      Veja o que funcionaria pra você!
      Beijos e boa sorte <3

      Responder

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Categoria

Histórias

Tags