Ponto de encontro | Capítulo 1

A casa autêntica e cheia de surpresas de Cris Rosenbaum

Uma casa e todas as memórias que ela guarda não podem ser resumidas de uma vez só, então por aqui fazemos diferente. Ao invés de concentrar todos os detalhes e fotos em uma única matéria, criamos pequenos capítulos para que você possa curtir essa visita durante vários dias. É só acompanhar a ordem pelo título dos posts e apreciar o passeio sem se preocupar com o relógio.

Entrar na casa de Cris Rosenbaum é como abrir a porta de um universo totalmente novo, onde peças de artesanato brasileiro convivem lado a lado com móveis orientais e grandes clássicos do design. Livres de regras bobas e combinações óbvias, os espaços contam a história de sua família por meio de objetos, coleções e relíquias que a acompanham há tempos. Boa anfitriã e festeira assumida, Cris não abre mão de receber os amigos, de cozinhar para os filhos e de reunir gente querida debaixo de seu teto – a ocasião não importa tanto, pode ser um aniversário ou uma meditação em grupo, o que vale para ela é estar perto das pessoas que ama. Sua casa é, acima de tudo, um ponto de encontro.

Cris e seus dois filhos, Bertha e Ian, se mudaram para o imóvel há apenas um ano, porém não demorou muito para que os ambientes fossem contagiados por seu espírito inventivo. Antes de preencher os cômodos com itens garimpados nos mais variados lugares, a moradora precisou fazer alguns ajustes na casa, mas nada muito grandioso – nenhum quebra-quebra, somente uma pintura nova ou uma manutenção pontual. Para aquecer o piso frio, tapetes de tons e texturas diferentes; para trazer aconchego, luminárias em cantos estratégicos; para colorir as paredes, quadros, gravuras e fotografias como a de Gui Mohallem, uma das preferidas de Cris.

01-decoracao-casa-cris-rosenbaum-historias-de-casa-sala-estar

02-decoracao-casa-cris-rosenbaum-artesanato-brasileiro

03-decoracao-casa-cris-rosenbaum-artesanato-brasileiro

04-decoracao-casa-cris-rosenbaum-tapete-estampado

05-decoracao-historias-de-casa-vasos-de-barro

06-decoracao-historias-de-casa-detalhes-cris-rosenbaum

07-decoracao-historias-de-casa-varanda-vista-bairro-residencial

08-decoracao-casa-cris-rosenbaum-texturas-materiais-naturais

09-decoracao-casa-cris-rosenbaum-hall-entrada-obra-arte

10-decoracao-casa-sala-estar-lareira-poltrona-Mole

11-decoracao-parede-colecao-quadros-preto-e-branco-cris-rosenbaum

12-decoracao-sala-de-estar-buffet-oriental-quadros

13-decoracao-sala-de-estar-buffet-oriental-quadros

O interesse de Cris pelo artesanato popular começou há bastante tempo, por conta das viagens feitas ao lado do designer Marcelo Rosenbaum, seu ex-marido. “Sempre viajamos muito pelo Brasil, então conhecemos quase todo o país. Essas experiências aos poucos nos fizeram ver as coisas com um novo olhar.”, ela conta. Entre tantos destinos cativantes, os dois lugares que mais a marcaram foram a aldeia da tribo Yawanawá, no Acre, e a Turquia. “São dois extremos e duas realidades completamente diferentes. Rezas no meio do dia, lendas, cantos… outro mundo.”, completa.

O resultado desses anos de descoberta e pesquisa espalha-se pelos espaços criados pela moradora: vasos de barro moldados à mão, colheres de pau na parede da sala de jantar, arremates indígenas pendurados nas cadeiras, cabeças de barro, esculturas, cestarias, animais de madeira… uma imensidão de peças que trazem o toque humano em sua essência. As cadeiras de design e as coleções de xícaras e pratinhos antigos também são itens queridos. Cris brinca que por ter lua em touro ela é apegada às suas coisas, por isso gosta de todos os cantos e tesouros da casa, sem exceção.

14-decoracao-sala-de-estar-almofadas-estampadas-tapete-rosa

15-decoracao-reaproveitamento-luminria-lata-cha

16-decoracao-sala-de-estar-tapete-etnico-rosa-quadro-gigante

17-decoracao-sala-de-estar-almofadas-estampadas-parede-quadros

18-decoracao-historias-de-casa-retrato-cris-rosenbaum-filhos-2

19-decoracao-historias-de-casa-sala-estar-detalhes-coloridos-artesanato

20-decoracao-historias-de-casa-detalhes-boneco-madeira

21-decoracao-historias-de-casa-sala-jantar-cris-rosenbaum

22-decoracao-sala-jantar-tapete-fibra-acessorios-coloridos

23-decoracao-pratos-de-parede-arranjo-cristaleira

24-decoracao-estante-vintage-cristaleira-colecao-loucas

25-decoracao-sala-jantar-tapete-fibra-acessorios-coloridos

26-decoracao-home-office-moveis-vintage-estilo-industrial

27-decoracao-home-office-moveis-vintage-tapete-estampado

28-decoracao-home-office-estatua-indigena-artesanato

Cris sabe que viver cercada de peças tão diferentes entre si não é para todo mundo. Sua decoração é algo muito particular, com misturas que nem todos entendem ou gostam, mas que refletem sua personalidade autêntica e que, justamente por isso, a fazem se sentir em casa.

Quer continuar esse passeio com a gente? Então clique abaixo para conferir o Capítulo 2.

Continua-final

 Fotos por Isadora Fabian, do Registro de Dia a Dia

Deixe seu comentário 12 Comentários

  1. morri! quanta coisa mara!

    Responder
  2. Tô babando!!! Que casa linda!
    Lembra as casas de antigamente, onde não tínhamos essa paranoia de que muitos estilos juntos não iriam combinar. Parabéns ao Histórias. Sempre nos surpreendendo com casas reais, aconchegantes, lindas e de muita personalidade. Essas histórias emocionam a gente. Não perco uma segunda 🙂

    Responder
    • Oi Gisele, tudo bom???
      Ahhh, desse jeito quem fica emocionada é a gente. 🙂 Obrigada pelo carinho e por realmente captar a proposta do site: queremos mostrar casas de todos os jeitos possíveis, pra provar que a decoração pode ser muito mais livre do que a gente pensa. A casa da Cris é o melhor exemplo possível, né?
      Beijão!

      Responder
  3. Sinceramente, confesso que esperava mais! Queria ver também a cozinha…

    Responder
    • Oi Zulmira, tudo bom?
      Infelizmente nem sempre conseguimos fotografar as casas completinhas por inúmeros fatores (tamanho dos ambientes, falta de ângulo para o fotógrafo, tempo corrido no dia da sessão de fotos…), mas sempre tentamos mostrar o máximo possível da casa – e, principalmente, da personalidade dela. Bjs

      Responder
  4. Há alguns anos me apaixonei pela casa da família Rosenbaum, tão lindamente apresentada no livro “Entre sem bater”, do Marcelo Rosenbaum, que ganhei de presente de niver. e, romântica incorrigível que sou, hoje fiquei triste em saber que eles se separaram, mas ao mesmo tempo me apaixonei também por esta nova casa. Linda!!!

    Responder
    • Oi Cida, tudo bom?
      Nós também temos o livro da casa antiga dos Rosenbaum e amamos aquele projeto. No entanto, essa casa de agora reflete uma nova fase, então é tão acolhedora e deliciosa quanto, né? Ficamos felizes que você tenha gostado também. 🙂
      Beijão

      Responder
  5. Uma das casas mais lindas que ja vi por aqui…

    Responder
  6. Parabéns pelo blog,sou viciada!!!Vejo e revejo todas as casas.Bjs

    Responder
    • Ahhhh, que alegria ler isso Lucymar!!! Uma delícia saber que você passeia sempre pelo blog. Muito obrigada pelo carinho ♥

      Responder
  7. Casa cheia de personalidade e com estilo único.. a cara da dona 😉

    Meninas, queria saber de onde é a luminária de teto, que fica em cima da mesa que suponho seja de jantar/almoço.

    Responder
    • Oi Caroline, tudo bom?
      A casa da Cris é bem diferente né? Adoramos! O pendente de crochê sobre a mesa foi criado pelo designer Marcelo Rosenbaum, ex-marido de Cris, para a marca Bertolucci. Só não conseguimos saber se ainda está à venda porque o site deles está em manutenção. Depois dá uma olhada.
      Beijos,

      Responder

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Categoria

Histórias

Tags