A vida com mais cor | 4 boas ideias

Tons alegres e móveis cheios de história na casa da chef Helena Rizzo

É possível transformar a casa sem passar por grandes reformas – e a história dessa semana é prova disso. Na morada de Helena Rizzo e Bruno Kayapy, as mudanças foram pontuais e buscaram o equilíbrio entre soluções de organização e uma decoração com personalidade. A responsável por esse makeover foi Lívia Amaral, criadora da Casa Sopro, um serviço de consultoria para quem quer deixar a casa mais gostosa e funcional de um jeito descomplicado. Quer se inspirar com as ideias desse lar incrível? Então olha só…

1. Memórias emolduradas: Além de chef de cozinha premiada, Helena também desenha nas horas vagas. Há anos o casal tem um grande acervo de desenhos coloridos feitos por ela, mas a maioria estava engavetado junto com pôsteres antigos e outros recortes. A proposta de Lívia foi emoldurar esses papéis e reuni-los formando uma galeria na parede da sala. É muito melhor criar algo que tenha significado do que investir em um quadro qualquer só para preencher espaço.

2. Organização no home office: A falta de organização era um dos maiores dramas do casal. Em especial no escritório, um ambiente com muitos papéis, documentos e livros, é importante manter tudo em ordem para facilitar o dia a dia. A saída foi apostar em prateleiras com mãos-francesas discretas para os livros, um gaveteiro para a papelada e caixotes empilhados para objetos maiores.

3. Móvel para os discos de vinil: Ainda no tópico organização, outra solução da minirreforma foi a compra de um gabinete feito para guardar discos de vinil. O móvel da marca Desmobilia ocupa pouco espaço e vem com nichos verticais que acomodam LPs.

4. Nichos móveis para as crianças: Tanto na saleta de brincadeiras quanto no quarto da filha Manoela, essas peças versáteis são boas aliadas da arrumação. Caixotes de madeira com rodinhas são ótimos para armazenar brinquedos volumosos, enquanto os nichos podem ser empilhados, criando uma estante para livros e bonecos. O mais legal é que ambos podem acompanhar o crescimento da criança e de repente até serem usados em uma futura casa.

Fotos por Gisele Rampazzo

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Categoria

Histórias, 4 Boas ideias

Tags