Liberdade criativa | Capítulo 2

O apartamento ousado e colorido da designer Ana Strumpf

Creative Life | Part 2

The colorful apartment of Brazilian designer Ana Strumpf

Esse post faz parte de uma série de matérias produzidas em parceria com a branco., a mais nova marca do grupo Bobinex, com 50 anos de experiência no mercado de papel de parede. Assim como nós, a marca acredita que uma casa com personalidade faz toda a diferença e que o papel de parede é uma ótima maneira de transformar os espaços – afinal, enfeitar o que está ao seu redor também é um jeito de se transformar. 

A designer de interiores e artista multidisciplinar Ana Strumpf aproveitou os cômodos amplos de seu apartamento no bairro Higienópolis para colocar em prática tudo o que não era possível nos imóveis compactos em que morou durante uma temporada em Nova York ao lado do marido, o o cineasta, diretor e roteirista Dennison Ramalho. Marcada por memórias de diferentes fases da vida, a decoração é uma mistura eclética de coisas que ela mesma fez, peças herdadas de sua família, itens vindos do exterior e obras assinadas por artistas que o casal admira. Para acompanhar essa história desde o começo, leia também o Capítulo 1.

Hoje Ana transita entre diversas áreas, da ilustração à direção criativa, passando pela decoração e pelo design de produtos, mas seu encanto pelo desenho vem de longe. Quando criança ela se divertia com canetas e lápis coloridos, dizendo que queria ser pintora um dia. Por um tempo esse talento ficou adormecido, até que em um momento de ócio em NY a designer começou a rabiscar estampas aleatórias em capas de revistas. De repente, além de se reencontrar com aquele sonho de infância, ela deu início a um novo projeto que ganharia o mundo, o Re.Cover, no qual cria intervenções cheias de cor em imagens feitas por expoentes da moda.

A partir daí, atuar em múltiplas frentes acabou acontecendo naturalmente: “Independente da área, busco projetos que tenham envolvimento. Nas horas em que eu trabalho mais com decoração, sinto um pouco de saudade das canetas e vice-versa, mas adoro essa liberdade de ser multi.”. Para equilibrar a carreira agitada com o nascimento de seus filhos, os gêmeos Max e Noah, Ana montou seu home office em um dos três dormitórios do apê, a poucos passos do quarto das crianças. Ali a mesa de escritório fica rodeada de materiais de desenho e pintura, além de objetos de design trazidos de fora, como o carrinho com papéis e afins. Na parede oposta, três prateleiras suspensas acomodam livros, revistas e mais memórias queridas.

21-decoracao-escritorio-colorido-ana-strumpf

22-decoracao-retrato-ana-strumpf-escritorio

23-decoracao-retrato-ana-strumpf-escritorio

24-decoracao-escritorio-colorido-ana-strumpf

25-decoracao-escritorio-colorido-ana-strumpf

26-decoracao-prateleiras-almofadas-coloridas-cor

Amplo e bem iluminado, o quarto principal também reflete o gosto da moradora pelo mix de estilos e épocas. A grande cômoda de madeira, por exemplo, é de seus tempos de solteira e a acompanha aonde for; já a outra, que apoia a vitrola antiga e tem pintura cinza, veio de uma loja de departamentos sueca. Os discos e livros que o casal tem curtido ultimamente ficam guardados em um nicho, enquanto as joias de Ana são organizadas em delicados bowls e pires de porcelana das mais diversas cores. Para poupar espaço no guarda-roupa, as bolsas acomodam-se em ganchos de parede.

Decorado por último, o cômodo ganhou recentemente um complemento muito especial: o papel de parede Floresta, nascido da parceria entre a designer Ana Strumpf e a marca branco.. Criada em 2015, a marca aposta em estampas exclusivas assinadas por um time de peso, então, além de Ana, o catálogo de produtos inclui papéis desenvolvidos por nomes como Calu Fontes, Joana Lira e Marcelo Rosenbaum. Capaz de transformar por completo o clima de um ambiente, o recurso surpreendeu até mesmo a moradora, que nunca havia trabalhado com um desenho de dimensões tão grandiosas.

27-decoracao-quarto-casal-papel-de-parede-branco

28-decoracao-quarto-casal-papel-de-parede-branco

29-decoracao-papel-de-parede-branco-ana-strumpf

30-decoracao-papel-de-parede-branco-ana-strumpf

31-decoracao-quarto-criado-mudo-comoda-vintage

Com a medida perfeita para os berços dos gêmeos e ainda um espaço livre para as brincadeiras no piso, o quarto de Max e Noah sofreu alterações simples, porém de grande impacto. Como o apartamento é alugado e já possuía bons armários embutidos, Ana apenas usou um truque com tinta colorida para mudar o visual do ambiente – as paredes foram tingidas de azul em dois terços de sua altura, dando a impressão de que o pé-direito é maior. Nascidos durante o período em que o casal ainda morava em Nova York, os irmãos passaram sete meses em um quarto improvisado, por isso dessa vez a designer fez questão de incluir na decoração tudo o que eles tinham direito: cortina estampada, caixas de brinquedos, móbiles e um adorável tapete de bolinhas, entre outros mimos.

32-decoracao-quarto-bebe-azul-cores-gemeos

33-decoracao-quarto-bebe-azul-berco-madeira

34-decoracao-quarto-bebe-pintura-azul-armarios
35-decoracao-quarto-bebe-pintura-azul-prateleira

36-decoracao-quarto-bebe-pintura-azul-prateleira

Seja através dos quadros, que ocupam boa parte das paredes, das cores, usadas com inteligência, ou dos móveis e relíquias, cada qual com uma origem, o apartamento de Ana e Dennison tem alma – e uma alma única. Até mesmo os detalhes arquitetônicos, como o piso de marchetaria e as imensas janelas típicas dos imóveis antigos, parecem ter sido escolhidos a dedo para o casal. É aí que entra um dos maiores talentos da moradora: transformar espaços vazios em lugares pulsantes e cheios de histórias.

fim-final

Fotos por Alessandro Guimarães

modelo-banner-footer

The interior designer and multitalented artist Ana Strumpf took advantage of the spacious rooms in her Higienópolis neighborhood apartment to put into practice all that was not possible in the cramped places where she lived for a time in New York with her husband, the filmmaker, director, and screenwriter Dennison Ramalho. Marked by memories from different phases of life, the decor is an eclectic mix of things that she did herself, pieces inherited from family, items bought abroad, and works signed by artists whom the couple admires.

Today Ana works in many areas, from illustration to creative direction, passing through decoration and product design, but she has always been enchanted with design. As a child she used to play with pens and colored pencils, saying that she wanted to be a painter some day. This talent lay dormant until, in a period of laziness in NY, she began to scribble random patterns on magazine covers. Suddenly, in addition to rediscovering her childhood dream, Ana initiated a new project that would travel the world, the Re.Cover, in which she creates colorful illustrations over fashion magazine covers.

“Regardless of the area, I look for projects that have involvement. When I’m working more with decoration, I miss my pens a bit and vice versa, but I love the freedom of multitasking.”, she says. To balance a busy career with the birth of her children, the twins Max and Noah, Ana set up her home office in one of the three bedrooms, just steps away from the kids’ room. The office desk is surrounded by drawing and painting materials, in addition to design objects, such as the little cart with papers from Ikea. On the opposite wall, three shelves accommodate books, magazines, and more beloved memories.

21-decoracao-escritorio-colorido-ana-strumpf

22-decoracao-retrato-ana-strumpf-escritorio

23-decoracao-retrato-ana-strumpf-escritorio

24-decoracao-escritorio-colorido-ana-strumpf

25-decoracao-escritorio-colorido-ana-strumpf

26-decoracao-prateleiras-almofadas-coloridas-cor

Large and well-lighted, the main room also reflects the owners’ taste for mixing styles and period pieces. The large wood dresser, for example, is from when she was single; another dresser, which supports the old phonograph and is painted in gray, came from a Swedish department store. The records and books that the couple has enjoyed lately are stored in a niche, while Ana’s jewelry pieces are organized in delicate porcelain bowls and saucers of many different colors. To save space in the wardrobe, her handbags and purses hang from hooks on the wall. Last to be decorated, the room recently got a very special bonus: the Floresta wallpaper, designed by her.

27-decoracao-quarto-casal-papel-de-parede-branco

28-decoracao-quarto-casal-papel-de-parede-branco

29-decoracao-papel-de-parede-branco-ana-strumpf

30-decoracao-papel-de-parede-branco-ana-strumpf

31-decoracao-quarto-criado-mudo-comoda-vintage

Max and Noah’s room, being the perfect size for the twins’ cribs and allowing play space on the floor, underwent some simple but dramatic changes. As the apartment is rented and already had good built-in wardrobes, Ana simply used a trick with paint to change the look of the place – the walls were painted blue, giving the impression that the ceiling is taller. Born when the couple still lived in New York, the twins have spent seven months in an improvised room, so this time Ana wanted to include everything they were entitled to: patterned curtains, boxes of toys, mobiles, and a lovely polka dot rug, among other treats.

32-decoracao-quarto-bebe-azul-cores-gemeos

33-decoracao-quarto-bebe-azul-berco-madeira

34-decoracao-quarto-bebe-pintura-azul-armarios

35-decoracao-quarto-bebe-pintura-azul-prateleira

36-decoracao-quarto-bebe-pintura-azul-prateleira

Either through the pictures that occupy a good part of the walls, the colors used with intelligence, or through the furniture and relics, each from somewhere special, the apartment of Ana and Dennison has soul – a unique soul. Even the architectural details, such as the floor marquetry and the immense windows typical of old buildings, seem to have been hand-picked by the couple. This is one of Ana’s greatest talents: to transform empty spaces into places with a pulse and full of stories.

Pictures by Alessandro Guimarães

Deixe seu comentário 16 Comentários

  1. Lindoooo, adorei todos os detalhes!!! Gostaria de saber onde adquirir os corações que parecem ser de prata que estão no office. Obrigada 😉

    Responder
    • Oi Sandra,

      Esses corações são peças típicas do artesanato mexicano, infelizmente não conhecemos nenhum lugar no Brasil que venda esse tipo de peça. Te desejamos sorte na busca 🙂
      beijos

      Responder
  2. Olá, amei o papel de parede do quarto de casal com desenho do mar, guarda-sol , etc. Onde posso encontrá-lo? Sou de Recife – PE.
    81 99639.4294. Grata.

    Responder
  3. Olá! Adorei todos os detalhes! Gostaria de saber onde encontrar o painel vermelho do escritório. Obrigada!

    Responder
  4. Assisti o Decora na GNT ontem, Mauricio usou esse mesmo papel de parede na reforma do quarto de uma menina ..amei *-*

    Responder
    • Oi Amanda!
      Verdade, nós também vimos esse episódio e adoramos o resultado. O papel de parede dá um efeito de painel, né? Muito bom!
      Beijos

      Responder
  5. Olá o carrinho azul do escritório eh de ferro? De que loja eh?

    Responder
  6. Muito criativo o jeito de armazenar os objetos no quarto das crianças!

    Responder
  7. Nossa…
    Um caleidoscópio. É como viver dentro de uma daquelas coisas que qdo se olha através do tubo, mudam-se as cores e as formas à medida que se gira…

    Responder
    • Oi Nívia, tudo bom?
      Adoramos sua interpretação da casa da Ana! Realmente é bem assim, muitas cores, estampas, informações, tudo ao mesmo tempo, mas cheio de harmonia. 🙂
      Beijos

      Responder
  8. Olá, gostaria de saber de onde são os berços do quarto de bebê! Obrigada

    Responder
    • Oi Ynaê, tudo bem? Esses bercinhos a moradora comprou na loja gringa Ikea! Espero que ajude! beijos

      Responder
  9. Tudo ficou muito bonito; inspirador! Parabéns pela criatividade!

    Responder

Adoramos seus comentários! ❤️ Conte pra gente o que achou:

Categoria

Histórias, Onde Encontrar

Tags